top of page

(REDAÇÃO) Proposta de intervenção do Enem

A proposta de intervenção é o nome dado a uma sugestão de medidas e ações voltadas a intervir em determinado problema, de modo a amenizá-lo ou saná-lo. Essa proposta é direcionada a autoridades e figuras de poder, no intuito de sugerir e/ou convencê-las a tomar determinada atitude. Na redação do Enem, a proposta de intervenção busca identificar se o aluno consegue sugerir uma ação possível e eficaz para o problema proposto, dentro do contexto brasileiro.


Para que esteja completa e bem estruturada, a proposta de intervenção precisa responder a perguntas essenciais, como agente, ação, modo/meio e finalidade, além de apresentar um detalhamento coerente com a realidade do problema, sendo, por isso, necessário o acréscimo de detalhamento sobre a medida.


O que é proposta de intervenção?

Uma proposta de intervenção é sempre uma sugestão de ação ou medida direcionada a determinado problema social, com o intuito de atuar positivamente na questão. Desse modo, para que uma proposta seja considerada boa, ela precisa estar bem contextualizada com a realidade do problema.


Na redação do Enem, a proposta de intervenção avalia a capacidade do aluno de analisar o problema proposto, de modo crítico e racional, e propor alguma ação que atue, em alguma medida, como amenizador da questão. Não é necessário que a proposta solucione o problema, mas que ela seja possível na realidade brasileira e que ajude a enfrentar as barreiras identificadas.


O que deve ter na proposta de intervenção?

A proposta de intervenção necessita de uma abordagem completa e contextualizada para ser considerada legítima e produtiva. É necessário estar atento aos detalhes que são exigidos no Enem, pois cada elemento serve para responder a perguntas essenciais da medida. Assim, a proposta de intervenção deve dividir-se em cinco elementos:

agente;
ação;
modo/meio;
finalidade;
detalhamento.

Os elementos exigidos são respostas essenciais para o sentido da proposta. É preciso evidenciar:

Quem fará? (Agente)
O que será feito? (Ação)
Como será feito? De que modo será feito?
Qual o intuito? Como isso pode ajudar? Qual o propósito disso no problema? (Finalidade)
Quais são os detalhes importantes para essa ação dar certo? Como as coisas serão relacionadas? Com ajuda ou participação de quem será feito? (Detalhamento)

Todas essas respostas são essenciais para a proposta de intervenção, entretanto o detalhamento é amplo, de modo que outras respostas podem ser detalhadas e cumprir a função do elemento. O detalhamento é um tópico que instiga o aprofundamento da proposta, exigindo do aluno que reflita e construa de modo sólido uma medida de ação.


Como elaborar uma proposta de intervenção?

Para elaborar uma boa proposta de intervenção, é importante observar quais os argumentos foram apresentados no desenvolvimento do texto, pois ela deve sugerir melhorias a esses problemas. Após essa primeira análise, selecione uma ou mais medidas que possam auxiliar nas questões destacadas, para iniciar a construção da proposta de intervenção.


A ordem dos elementos pode variar, a depender das intenções do autor, entretanto algumas sugestões são possíveis para auxiliar nessa construção. A proposta pode iniciar pelo uso imperativo “é necessário”, “é imprescindível” e seguir indicando o agente e a ação que deve ser tomada, apresentando o modo/meio de realização e com qual finalidade.


Fonte:

https://www.preparaenem.com/enem/proposta-de-intervencao-do-enem.htm

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page