Classes Gramaticais - Artigos

Artigo é a palavra que, vindo antes de um substantivo, indica se ele está sendo empregado de maneira definida ou indefinida. Além disso, o artigo indica, ao mesmo tempo, o gênero e o número dos substantivos.

Classificação dos Artigos

Artigos Definidos

Determinam os substantivos de maneira precisa: o, a, os, as.

Eu comprei o carro.

Artigos Indefinidos

Determinam os substantivos de maneira vaga: um, uma, uns, umas.

Eu comprei um carro.

Emprego dos artigos

Os artigos sempre devem concordar com o substantivo em gênero (masculino e feminino) e número (singular e plural).

o garoto - os garotos. a menina - as meninas. um mês - uns meses. uma mesa – umas mesas.

Os artigos podem ser combinados com preposições.

ao/aos (a + o/os).

O texto é dedicado aos pais.

à/às (a + a/as).

Vou à escola todas as manhãs.

da/das (de + a/as).

Ganhamos muitos presentes da Inês.

do/dos (de + o/os).

Os móveis eram dos nossos avós.

na/nas (em + a/as).

O colar está nas coisas da Sônia.

no/nos (em + o/os).

Encontramos o anel no corredor.

num/nuns (em + um/uns).

Hoje estamos num congresso.

numa/numas (em + uma/umas).

Almocei numa lanchonete essa semana.

dum/duns (de + um/uns).

Os cadernos encontrados são dum pesquisador.

duma/dumas (de + uma/umas).

Preciso dumas blusas para sair.

De acordo com sua posição na frase, os artigos podem transformar qualquer tipo de palavra em substantivo, independentemente de sua classe gramatical.

O andar de Elisa é muito sensual. (neste caso, o verbo “andar” foi transformado em substantivo). O vermelho de seus olhos indicou sua tristeza. (neste caso, o adjetivo “vermelho” foi transformado em substantivo).

Os artigos definidos podem ser empregados com o intuito de indicar um conjunto de seres ou uma espécie inteira. Dessa forma, o artigo é empregado no singular, entretanto, faz referência a uma pluralidade de seres.

A alma é imortal. (refere-se ao conjunto de almas). A goiaba é muito rica em vitamina C. (faz referência a todas as goiabas).

Na construção das frases a utilização dos artigos indefinidos deve ser moderada, de modo que o excesso de seu uso no texto provoca um “inchaço” ou uma “redundância” desnecessária, tornando-o, deselegante e “pesado”.

Ter (uma) boa educação é fundamental. São detentores de (um) bom conhecimento.

Para uma adequada coesão textual, antes de pronome de sentido indefinido, utiliza-se as palavras como “tal, certo (a), outro (a)”.

Encontrei (uma) certa medalha na cômoda. Natália não encontrou (um) outro casaco.

O artigo indefinido é usado como recurso expressivo para reforçar enunciados exclamativos.

Foi um presente te encontrar! A festa estava uma delícia!

fonte: https://www.soportugues.com.br/secoes/morf/morf31.php

https://www.todamateria.com.br/artigo-definido-e-indefinido/

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo