top of page

[LINGUÍSTICA E SEMIÓTICA] Comparação

Bem-vindo a um espaço onde as palavras se entrelaçam como fios de uma tapeçaria, criando imagens que transcendem o ordinário. Neste blog, embarcaremos em uma jornada pela fascinante arte da comparação, uma ferramenta sutil e poderosa que colore a linguagem com a riqueza das analogias. Prepare-se para descobrir como a comparação, com sua capacidade única de estabelecer conexões e despertar imagens vívidas, é uma verdadeira joia do universo das figuras de linguagem.


O que é Comparação?

A comparação é uma figura de linguagem que estabelece uma relação de semelhança entre dois termos, utilizando conectores como "como", "qual", "tal qual" e outros. Ela tem o poder de enriquecer a comunicação, criando associações que proporcionam uma compreensão mais profunda e sensorial do objeto ou ideia em questão.


Características Marcantes:

  1. Semelhança Explícita: A característica essencial da comparação é a explícita indicação de semelhança entre os termos comparados. Isso permite que o leitor ou ouvinte crie uma ponte entre conhecimentos prévios e a nova ideia apresentada.

  2. Ampliação de Significado: Ao comparar dois elementos, a comparação amplia o significado, proporcionando uma compreensão mais rica e multifacetada daquilo que está sendo descrito.

  3. Estímulo à Imaginação: A comparação é um convite à imaginação, incentivando o leitor a visualizar e experimentar a informação de maneira mais vívida, sensorial e envolvente.

Exemplos Conhecidos no Brasil:

  1. "Olhos como Estrelas" - Vinicius de Moraes (Trecho de "Aquarela"): Vinicius de Moraes compara os olhos a estrelas, evocando a ideia de brilho, profundidade e mistério, conferindo uma dimensão poética à descrição.

  2. "Ela é leve como uma pluma" - Expressão Popular: Esta comparação sugere que algo ou alguém é leve, suave e delicado, assim como uma pluma, transmitindo uma sensação de graça e ausência de peso.

  3. "Forte como um Leão" - Expressão Popular: Ao comparar a força de alguém a um leão, expressamos a ideia de grande poder e coragem, utilizando uma imagem conhecida para enfatizar a magnitude da força.

Para reconhecer uma comparação, é importante estar atento às seguintes características:

  • A relação de semelhança: a comparação estabelece uma relação entre dois elementos, indicando que eles possuem alguma semelhança.

  • Os elementos comparativos: as comparações explícitas usam elementos comparativos, como "como", "semelhante a", "tal qual".

A comparação é uma ferramenta mágica que nos permite conectar mundos, criando uma sinfonia de imagens e significados. Neste blog, exploraremos a riqueza dessa figura de linguagem, desvendando sua capacidade de transformar conceitos abstratos em visões concretas e sensoriais. Prepare-se para se perder nas paisagens criadas pelas comparações, onde cada analogia é uma obra de arte que nos transporta para além das palavras e nos imerge no fascinante reino da linguagem poética.


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page