top of page

(GÊNEROS TEXTUAIS) Artigo de opinião

O artigo de opinião é um texto predominantemente argumentativo em que o autor defende um ponto de vista, o qual se dá sobre determinado tema de relevância social, sendo publicado em um veículo de circulação impresso ou digital.


Por se tratar de um texto que traz uma opinião pessoal, o artigo de opinião, diferentemente do editorial, não reflete necessariamente a opinião do veículo de comunicação que publicou o seu conteúdo. Assim, essa modalidade de texto visa trazer um debate ao público decorrente de uma vontade do articulista de jogar luz sobre determinado tema para a sociedade.


O articulista deve, portanto, utilizar recursos argumentativos a fim de convencer e persuadir o seu leitor acerca da sua opinião sobre o tema debatido. Em seu texto, ele pode trazer uma série de dados, fatos e informações que comprovem a sua tese.


As características do artigo de opinião

Textos escritos em primeira e terceira pessoa;
Uso da argumentação e persuasão;
Geralmente são assinados pelo autor;
Produções veiculadas nos meios de comunicação;
Possuem uma linguagem simples, objetiva e subjetiva;
Abordam temas da atualidade;
Possuem títulos polêmicos e provocativos;
Contém verbos no presente e no imperativo.

Qual a estrutura do artigo de opinião?

O artigo de opinião apresenta a seguinte estrutura em sua composição:

I. Título

Pensar em um título que chame a atenção do seu leitor. Opte por títulos objetivos e simples, mas que instiguem a curiosidade.


II. Introdução

Os parágrafos iniciais de um artigo de opinião costumam ser reservados para apresentar o assunto abordado e, além disso, o ponto de vista defendido pelo autor. Chamamos esse ponto de vista de tese. No caso das redações escolares e propostas de vestibulares, é comum que somente o primeiro parágrafo da composição seja destinado para essa função, pois, nesse tipo de produção textual, o número de linhas é restrito.


III. Desenvolvimento

Uma vez que a tese é apresentada na introdução do artigo de opinião, é esperado que, nos parágrafos intermediários — também chamados de desenvolvimento —, apresentem-se argumentos que comprovem o ponto de vista.


Um argumento costuma ter duas partes: a fundamentação e a análise do fundamento. A primeira corresponde às informações, fatos, dados, referências, entre outros, que o articulista busca para embasar sua opinião; a segunda, ao trecho em que o autor relaciona explicitamente o fundamento utilizado com a tese defendida.


IV. Conclusão

A conclusão de um artigo de opinião costuma apresentar uma síntese do desenvolvimento do texto e, em seguida, reiterar a tese, agora comprovada pelos argumentos.


Como fazer um artigo de opinião - passo a passo


A) Escolha e definição do tema

Para fazer um artigo de opinião, o tema deve estar definido. Ele é o assunto sobre o qual o autor dissertará. Para isso, o artigo será feito para um meio de comunicação; já existe uma pauta definida, ou é um tema livre de um trabalho escolar?

Obs.: Tema e título são duas coisas diferentes. O primeiro está relacionado com o assunto, e o segundo é o nome que será dado ao texto.

B) Pesquisa e busca de argumentos

Não basta saber qual o tema, e não possuir argumentos sobre ele. Sendo um texto opinativo, é importante sustentar o ponto de vista baseado em argumentos. Por isso, a pesquisa profunda e atualizada, seja nos livros da biblioteca, ou nos sites da internet, deve ser o próximo passo para escrever um artigo de opinião.


Anote tudo o que for interessante e vá, gradualmente, construindo e dando corpo ao texto. Mas, não se esqueça: você deve formar sua opinião sobre o assunto e não copiar a de outros, pois isso é considerado plágio!


C) Recorte do tema

Imagine que o artigo de opinião para fazer é um tema dado pela professora e que é super abrangente: racismo no Brasil. Note que podemos falar muitas coisas sobre o racismo no Brasil, por exemplo, a origem, a história, alguns casos, o racismo na atualidade, etc.


Assim, é essencial fazer um “recorte” para focar somente em alguns aspectos do tema. Isso facilita a escrita do texto, evitando se perder em tanta informação.


D) Seleção do material

Agora que o “recorte” já foi definido, a seleção do material que será utilizado fica mais clarificada. Não se esqueça de selecionar tudo para depois utilizar, se necessário, a bibliografia, no final do texto. Importante ressaltar que a seleção feita deve conter dados atualizados sobre o tema.


E) Produção de texto

De acordo com a estrutura do texto de opinião - introdução, desenvolvimento e conclusão - é a hora de produzir o texto em linguagem formal. A coesão e a coerência são dois mecanismos fundamentais na construção de um texto inteligível.


A coesão está relacionada com a utilização correta das palavras na ligação entre frases, períodos e parágrafos, os chamados conectivos. Já a coerência, faz referência à lógica das ideias expostas no texto.


Fonte:

https://www.todamateria.com.br/artigo-de-opiniao/

https://www.portugues.com.br/redacao/artigo-opiniao-.html

https://brasilescola.uol.com.br/redacao/artigo-opiniao.htm#O+que+%C3%A9+um+artigo+de+opini%C3%A3o%3F

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page